Archive for junho \21\UTC 2007|Monthly archive page

Prepare já seu ESQUADRÃO ANTICRISE !

Nas grandes empresas nacionais e multinacionais já está em cena um grupo de profissionais que ganha cada vez mais importância por seu arsenal de estratégias e preparamento que devem ser colocados em prática a qualquer momento, assim que as empresas se vêem numa enrascada. Eles formam o Esquadrão Anticrise.Essa turma, que reúne de cinco a sete profissionais de variadas áreas da empresa e de várias idades, só deixa suas funções rotineiras para entrar em cena quando as coisas vão mal. Eles são especialistas em lidar em ambientes de alta pressão, que exigem decisões rápidas e complexas. As empresas que demoram para se posicionar sobre os próprios problemas perdem muitos pontos importantes com seu público.

A princípio, as empresas que aderiram a essas estratégia são as que lidam com produtos de alto risco, como distribuidoras de combustível, telecomunicações, energia elétrica, fornecimento de água, etc. Hoje, muitas outras empresas já aderiram a essa estratégia, que só tráz benefícios às mesmas. Um exemplo prático pode ser dado pelo HSBC, que sofria com problemas repentinos como falta de luz no prédio principal do banco -que fica próximo ao canteiro de obras da linha 4 do metrô de São Paulo – e com as crises aéreas – com relação ao atraso de seus profissionais. Hoje, esses e outros problemas foram solucionados pelo esquadrão anticrise com soluções rápidas, inteligentes e eficientes.

Também existem empresas que preferem contratar assessorias especializadas para tratar dessas situações delicadas. Essa não é a melhor alternativa, afinal quem atua nessas situações deve ter um conhecimento aprofundado da empresa em questão. Porém é uma forma de solucionar problemas de última hora.

Em vista de países desenvolvidos, o Brasil ainda não dá muita importância em aplicar esse e outros conhecimentos em entidades de ensino, mas a demanda vem aumentando e deve promover cursos de gestão de crise nas universidades.

Se sua empresa ainda não aderiu ao esquadrão anticrise, é melhor repensar seus conceitos, afinal problemas de última hora podem aparecer a qualquer momento e você deve está sempre preparado para eles. Pense nisso!

Realidade virtual ganha as empresas

Com o objetivo de recriar ao máximo a sensação de realidade para um indivíduo, essa tecnologia de interface do usuário com o computador, sai das telas do cinema e entra para as empresas com o propósito de melhorar seus produtos e reduzir o custo; o que bate com um dos seus principais objetivos(dar o melhor para os consumidores com o menor custo possível).

A realidade virtual tem se expandindo em várias áreas comerciais a partir do século XXI, sendo utilizada desde jogos e entretenimentos, até em alguns hospitais americanos, onde doenças como o mal de Parkison pode ser detectada a partir dessa tecnologia de captura de movimentos.

Muitos apostam também nessa tecnologia para o aposento do controle remoto, a partir do qual a pessoa fará sinais com as mãos para a tv mudar de canal ou aumentar o volume. Além de todas essas incrementações nos filmes, na medicina e em todas as áreas beneficiadas pela realidade virtual, esta vem cada vez mais sendo utilizada pelas empresas que querem ser mais eficientes e eficazes na produção com maior precisão.

Com toda essa evolução tecnológica presente nos dias atuais, já é possível desenhar e montar produtos, e até mesmo antecipar os problemas da produção numa simulação virtual.No Brasil, a realidade virtual surgiu não faz muito tempo, mas as companhias já estão presenciando os ganhos. A Embraer é um bom exemplo disso.Uma das pioneiras na utilização dessa tecnologia, ela possui um Centro de Realidade Virtual(CRV), onde cria maquetes virtuais de seus aviões, dando um grande salto na sua produtividade, e podendo inclusive oferecer a cada cliente a possibilidade de personificar a aeronave e de acompanhar sua produção nas mais diversas fases da produção.

A Volkswagen é mais uma empresa que vem lucrando com esse recurso tecnológico, simulando alguns processos na produção de carros, chegando a economizar até 1 milhão de reais com o projeto.

Pode parecer tecnologia de entretenimento, lazer ou ficção cientifica, mas é uma ferramenta especial na criação de produtos inovadores e, quem sabe, lucrativos.Sem dúvidas, o investimento é alto, porém seu retorno proporciona grande economia para as empresas.Vale a pena conferir!